Quarta-feira
Jun152011

SOIL | 2010 | SOLO

Nautical aluminum plates, anodized matte steel contours, spiral steel springs, PU shore A 60, rubber H contours, mechanical connection system, screws and light.

 

[ ENGLISH ]
Imagine walking on a surface composed of planes that incline in all directions, like seesaws. 

In this way, each step taken produces local and global disturbances.

In function of the direction and force of your steps and the weight of your body, the plate stepped upon inclines and moves the neighboring plates, such that, plate by plate, the entire surface moves.  The result is a mechanical wave that propagates radially.

Numerous users can agency and interact with the project and one-another simultaneously.  For the outside observer, the propagation of forces relative to the actions of the interactor is perceived via the physical deformation and the optic effects derived from the light’s reflection on the metallic surface in movement. 

 

[ PORTUGUÊS ]
Imagine uma superfície plana, metálica e polida. Formada por chapas de 1 x 1 m de alumínio náutico, cada chapa está apoiada em seu centro e todas estão conectadas entre si.

Ao caminhar sobre este SOLO, o peso do seu corpo gera efeitos semelhantes ao de uma pedra que cai sobre a superfície da água parada: as chapas se inclinam e como gangorras interconectadas provocam ondas que se propagam radialmente. O movimento do metal contra metal gera sons e a superfície metálica em movimento propaga reflexos de luz pelo ambiente.

SOLO recria de forma sólida a superfície da água num contraponto entre as matérias. O metal em movimento percebe-se líquido. Reage à presença de um ou vários interatores simultâneos e reproduz um jogo entre forças e equilíbrio. Por meio de uma seqüência de causalidades, cada placa propaga luz e som através da animação progressiva da superfície discretizada.